Uma Chaleira que Apita é Assim


O sotão é a maior memória dos amores que se dão sem nada. Nos anos muito atrás e nos outros mais à frente, sobretudo no Verão, a amizade acumulou correspondência. A leitura das cartas que  lhe escrevi, deixou-me de lábios esborratados e riso riscado, daquele que endurece os abdominais e cansa de exercício. Estamos na mesma. Os outros é que não.

 - Mais uma chávena de chá?

[Syunsaku Hishikari e Coldplay, Viva La Vida.]

publicado por Capa Rota às 19:28 | comentar